terça-feira, 18 de abril de 2017

IBGE - CONCURSO IBGE 2017 - CONTRATAÇÃO COM DURAÇÃO DE 13 MESES


Resultado de imagem para ibge

Desempregados ou jovens que buscam o primeiro emprego devem considerar o concurso IBGE 2017, para 1.039 vagas temporárias - retificação aumentou a oferta - e cujas inscrições estão abertas. As oportunidades do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) são em cargos dos níveis médio (868; de R$1.958 a R$2.958) e superior (171; R$4.458), e os contratos terão duração de até 13 meses, dependendo da função.
No nível médio, as 868 vagas temporárias estão distribuídas em três cargos. São eles: agente censitário regional (350 vagas; R$2.958), havendo ainda a exigência de habilitação na categoria B; agente censitário administrativo (344,; R$1.958) e agente de informática (174; R$2.158). No caso dos graduados, as oportunidades estão concentradas na função de analista censitário, em 18 especialidades, cargo que tem remuneração é de R$4.458. São 171 vagas, sendo 81 no Rio. A tabela de vagas está abaixo. Há reserva de vagas para negros (20%) e deficientes (5%).
 
 
Na remuneração, em todos os casos, os valores já incluem o auxílio-alimentação de R$458. Os funcionários terão direito ainda a 13º salário e férias remuneradas. A previsão de duração dos contratos varia de acordo com o cargo. Será de até 13 meses para analista, dez para agente administrativo, nove para agente regional e sete para agente de informática. Todos os contratos durarão 30 dias, podendo ser prorrogados por igual período. Mensalmente, os profissionais do IBGE são avaliados pelo órgão. A carga de trabalho será de 40 horas semanais, sendo oito diárias.
 
As inscrições devem ser feitas no site da Fundação Getulio Vargas (FGV), organizadora do concurso, até 9 de maio. As taxas são de R$27 (agente administrativo), R$41 (agente regional), R$42,50 (agente de informática) e R$78 (analista), devendo ser pagas, em qualquer agência bancária, até 26 de maio. No ato do cadastro, o candidato deve informar também a opção de lotação e de realização da prova.
 
 
 
Membros de família de baixa renda, inscritos no CadÚnico, podem pedir isenção, no site da FGV, durante todo o prazo de inscrição. Os resultados preliminares desses pedidos sairão no dia 16 de maio, e os finais no dia 24 do mesmo mês. No ato do cadastro, o candidato deve informar também a opção de lotação e de realização da prova. Quem concorrer como deficiente deve enviar, via Sedex, à FGV, laudo médico (original ou cópia autenticada) até 10 de maio, para participar.
 
Provas - Os candidatos serão avaliados por meio de 50 questões objetivas, em 2 de julho, das 13h às 17h. Será aprovado quem acertar, pelo menos, 15 questões (30% da prova), sem zerar disciplinas. O concurso do IBGE para temporários terá validade de dois anos, sem previsão de prorrogação. O resultado final está programado para 10 de agosto.
 
Retificação - O IBGE publicou a primeira retificação do primeiro edital do concurso. Nela, a oferta de vagas aumenta, passando de 1.038 para 1.039, já que uma vaga foi acrescentada ao cargo de agente censitário regional (R$2.958, havendo ainda a exigência de habilitação na categoria B), agora com 350 vagas. O órgão ainda alterou distribuição de vagas do analista de Programação Visual / Webdesign no Rio de Janeiro entre ampla concorrência, negros e deficientes. Outros erros no edital foram consertados. Confira a retificação.
 
Serviço



fonte: folha dirigida

Nenhum comentário:

Postar um comentário